By Salgado on 9th dezembro

Discutir o salário durante uma entrevista de emprego não é das tarefas mais fáceis. Você não quer parecer um mercenário ganancioso, mas também não quer ser pego de surpresa por uma oferta menor do que deseja.

Então como fazer?

Embora cada situação seja diferente, a resposta pode variar um pouco dependendo de suas circunstâncias (o tipo de empresa, o nível que você está, etc.). Conheça algumas dicas para tratar  do assunto quando participar de um processo seletivo.

Tempo certo

O principal problema de tocar no assunto salário no processo de contratação é que ele pode fazer com que você passe uma impressão errada, como de um profissional que está mais interessado do que vai lucrar do que em como irá contribuir.

“O objetivo em uma entrevista é convencer a empresa que você é a melhor pessoa para o trabalho”, diz Susan Pimenta, coach de carreirsa baseada em Boston e CEO da empresa de coaching Partners. “Ao abordar o salário antes que ele seja mencionado pelo recrutador, o candidato a emprego corre o risco de fazer do dinheiro o ponto focal da conversa ao invés de suas contribuições e perfil para a vaga.”

É por isso que a maioria dos especialistas em carreira dizem para esperar até que você tenha uma oferta, ou pelo menos fortes sinais de que a vaga será sua antes de abordar o assunto. Para efeito, Pimenta diz que o assunto não deve ser mencionado até que perguntas como “Quando você está pronto para começar?” ou “Você pode fornecer referências?” sejam feitas pelo entrevistador.

“A melhor maneira de fazer a pergunta é dizer algo como, ‘Eu estou muito interessado e animado sobre a oportunidade e tenho certeza de que vou ser capaz de atender aos desafios propostos. Em relação à parte financeira, quais as condições?”, diz Pimenta.

Deixe o empregador fazer a pergunta

Se não tiver certeza sobre quando ou como perguntar sobre o salário, é melhor deixar o empregador tocar no assunto. No entanto, como a coach Cheryl Palmer aponta, isso não significa que você deve ser totalmente passivo sobre o tema.

“O candidato deve estar preparado para a conversa sobre o salário porque o empregador pode ser bem direto em relação ao tema durante a entrevista”, diz Palmer. “É bastante comum para os recrutadores perguntar quais as exigências salariais dos candidatos. Esta é uma forma de triagem de candidatos, para saber aqueles que estão em linha com o que a empresa está disposta a pagar.”

Tenha em mente quanto você quer ganhar

Quando o tema salário entra na conversa, tenha na ponta da língua quanto você deseja ganhar e também o quanto você pode diminuir neste montante para aceitar o cargo. É possível determinar esse valo através de uma pesquisa salarial da área que você atua.

Saiba seu valor

Independentemente de quem traz à tona salário, ou quando isso acontece, você deve saber o que você vale a pena para que você possa estar preparado para defender o seu salário desejado entrar em negociações. “Compreender o seu valor irá ajudá-lo a entrar em negociações com uma perspectiva realista”, diz Frank Gentile, diretor do Grupo Staffing Professional.

Autor: Salgado / CEVIU
Fonte: CareerBuilder

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *