By Salgado on 4th janeiro

Pode parecer impossível, mas já imaginou Google, Facebook e Amazon suspendendo seus serviços coordenadamente? É o que pode acontecer como forma de protesto dos gigantes da internet contra uma lei antipirataria que corre no Senado dos Estados Unidos.

A SOPA, Stop Online Piracy Atc, ou “pare com a pirataria online” tem como seus principais incentivadores os representantes das indústrias de cinema e música dos Estados Unidos. De acordo com a SOPA, sites que publicam conteúdo ilegal como vídeos e músicas devem ser penalizados. Entre as penas previstas, estão o fechamento de sites e até a prisão dos responsáveis.

As gigantes Disney, Universal, Paramount e Warner Bros apóiam a lei. Até mesmo o provedor americano GoDaddy já se manifestou a favor do SOPA, o que fez com que 40 mil sites retirassem seus serviços do provedor como forma de protesto. Por outro lado, Google, Amazon, Facebook, eBay, Twitter, PayPal, Zynga e Mozilla são contra a lei.

Se a paralisação acontecer, os usuários não poderão fazer pesquisas no Google, atualizar o Facebook, postar no Twitter nem comprar na Amazon. As páginas acessadas trariam mensagens contra o SOPA, afirmou Markham Erickson, diretor da NetCoallition, uma associação das empresas de internet.

Ainda não existe previsão de quando a lei será votada pelo senado americano.

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *