By Salgado on 3rd fevereiro

Depois de apresentar na última quarta-feira os documentos necessários para a IPO, sigla para que uma empresa inicie sua oferta pública de ações no mercado, o Facebook teve revelado alguns dos números relativos ao faturamente da empresa. Entre tantos dados inéditos, chama a atenção a queda de 16% do faturamento da rede social com publicidade. Porém, o “Facebook Payments”, espécie de moeda virtual cobrada na rede, compensou a queda.

Ao contrário do que pode-se imaginar, quanto menos dependente de publicidade, melhor para o Facebook. Isto porque desta forma, a rede social de Mark Zuckerberg não se torna refém de apenas um tipo de receita, o que diante de uma crise por exemplo, poderia gerar perdas significativas ao site.

Com o valor de mercado estimado entre 75 e 100 bilhões de dólares, confira abaixo alguns dos números da maior rede social do mundo:

  • Até o início de 2010, 99% da receita do Facebook era proveniente de publicidade
  • Atualmente, 83% de sua receita total  vem da publicidade, o que corresponde a 3,15 bilhões de dólares
  • 12% da receita de 2011 veio de jogos e aplicativos produzidos pela Zynga
  • O site Netflix gastou cerca 3,9 milhões de dólares anunciando na rede em 2011
  • 1 bilhão de dólares foi o lucro líquido do site em 2011
  • A rede tem hoje 845 milhões de usuários ativos
  • A cada 24 horas, 250 milhões de fotos são postadas e ocorrem cerca de 2,7 bilhões de likes e comentários
  • 28 milhões de dólares foram gastos pelo Facebook com publicidade em 2011
  • O site concentra hoje 17,7% da receita de publicidade online, mais do que Google (9,3%), Yahoo (13,1%) e Microsoft (4,9%)
  • Em dezembro, o site deve concentrar 1/6 da receita publicitária dos Estados Unidos

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *