By Salgado on 28th junho

Algumas empresas hoje possuem salas especiais com colchões e sofás para que seus funcionários tirem um cochilo após o almoço. Porém estas empresas ainda são poucas, o que aumenta as chances de um funcionário dormir quando não deve.

Foi o que aconteceu com o funcionário de um banco alemão. De acordo com a Agence France Presse, um colaborador que trabalhava na área de transações do banco, pegou no sono e ao invés de fazer uma transferência no valor de 62,40 euros fez uma de 222.222.222,22 milhões. Isto porque, ao pegar no sono o homem deitou a cabeça no teclado de sua mesa e sem querer transferiu cerca de 633.494.356 milhões de reais.

O funcionário acabou demitido, mas entrou na justiça contra o banco informando que estava trabalhando sob estresse e ganhou o processo. Com isto, o banco foi obrigado a recontratá-lo.

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *