By Salgado on 5th dezembro

O Tubby não estreou mas já está causando polêmica. O aplicativo que promete fazer frente ao Lulu foi proibido de ser lançado em todo o Brasil pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais. A decisão foi proferida ontem depois que grupos de defesa dos direitos das mulheres entraram com uma ação judicial contra o aplicativo.

Para o juiz responsável pela decisão, o Tubby promove a violência contra a mulher e baseia-se na Lei Maria da Penha. Ainda de acordo com a decisão, até mesmo Facebook, Google e Apple são afetados pela medida. O Facebook não poderá ceder dados de usuários para o Tubby bem como o Google através da GooglePlay e a Apple pela AppStore não poderão disponibilizar o aplicativo em suas lojas.

Enquanto o Tubby não é lançado, é possível pedir a remoção do perfil dentro dele. O mesmo pode ser feito por quem tem o perfil no Lulu. O tutorial está aqui: http://goo.gl/JhFF87

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *