By Salgado on 18th fevereiro

Os profissionais de TI do estado de São Paulo podem entrar em greve na sexta-feira. O anúncio foi feito por Antônio Neto, presidente do Sindpd, Sindicato dos Profissionais de Tecnologia do Estado de São Paulo. Em 2011 já havia ocorrido a paralisação dos trabalhadores que na época reivindicavam reajuste salarial, vale refeição, criação de piso salarial, Participação nos Lucros e adequação da jornada de trabalho.

Este ano, as cobranças são pelo reajuste de 8,8% nos salários e 10,3% nos pisos, além da obrigatoriedade de fornecimento de vale-refeição e Participação nos Lucros e Rendimentos para todas as empresas, independente da quantidade de funcionários. A proposta feita pelos empresários oferece reajuste salarial de 6,5%, reajuste nos pisos de 7%, e PLR somente para empresas com mais de 10 funcionários.

De acordo com Antônio Neto, cerca de 800 profissionais da área participaram da reunião que motivou a greve. Por lei, após 72 horas da publicação de um anúncio de greve em algum veículo de grande circulação, os profissionais já podem interromper os trabalhos. Sendo assim, caso seja veiculado hoje o comunicado do Sindpd, já na sexta-feira os profissionais de TI do estado de São Paulo vão interromper suas atividades.

A medida que novas informações surgirem, atualizaremos a notícia.

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *