By Salgado on 3rd junho

A Apple apresentou ontem durante o WWDC a nova versão de seus sistema operacionais, o OS X 10.10 Yosemite e o iOS 8. O CEVIU Blog levantou as principais novidades apresentadas por cada um deles e mostra agora para você.

OS X 10.10 Yosemite

OS x 10.10 Yosemite tem este nome devido a uma homenagem da Apple a um belo parque nacional na Califórnia que leva o mesmo nome.

Os ícones no Yosemite foram totalmente redesenhados, lembrando muito os que são encontrados no iOS 7.

O Finder sofreu alterações para torná-lo mais interativo com o sistema operacional.

Assim como acontece no iOS e na maioria dos sistemas operacionais mobile, agora o OS possui uma central de notificações. Quem possui um iPad ou iPhone vai se familiarizar facilmente com a central.

Diferentemente de como acontecia no OS X Mavericks, o Spotlight agora é exibido no centro da tela e exibie resultados novos, como o de buscas feitas na Wikipedia.

O navegador Safari também passou por mudanças consideráveis. Assim como na concorrência, agora é possível abrir abas anônimas sem interferir na navegação. A organização das abas abertas também está melhor e facilita a navegação.

O Yosemite também apresentou o iCloud Drive, que funcionará como Sky Drive, DropBox, Google Drive etc, levando arquivos entre computadores diferentes.

A Apple melhorou a experiência de quem usa seus dispositivos. Graças ao Handoff, um dispositivo iOS que se associa ao Mac e torna possível continuar trabalhos começados em um computador Apple e continuá-lo em um iPad por exemplo. Tudo de forma bem simples e intuitiva.

O OS X Yosemite deverá ser lançado por volta de setembro ou outubro.  Até lá, quem quiser ajudar a Apple a encontrar erros e bugs no sistema, poderá se cadastrar a partir de julho em um programa que visa melhorar o desempenho do Yosemite. Os interessados devem acessar: http://apple.com/osx/preview

iOS 8

Além da maior interatividade com outros dispositivos Apple através do Handoff, o novo iOS apresenta também mudanças na tela multitarefa.

Além de mostrar os apps abertos recentemente, será possível ver os contatos favoritos, fazendo com que ligar para eles, enviar mensagem ou fazer chamadas via Face Time seja uma tarefa mais rápida.

Assim como players como o WhatssApp, We Chat, entre outros, o novo iMessage permite enviar mensagens de audio e vídeo.

Como acontece no Snapchat, o iMessage também permitirá que o usuário programe seu iPhone ou iPad para apagar as mensagens depois de um tempo.

Demorou mas a Apple se rendeu a teclados alternativos. A Apple vai permitir que o usuário use teclados de outros desenvolvedores como o Swype e SwiftKey. Além disso agora o teclado do iOS tem QuickType, sistema que sugere palavras enquanto você digita um texto.

O iOS agora também suporta widgets, mas somente na central de notificações. A tela inicial continua exclusiva para os aplicativos.

O iOS 8 também agora oferece mais opções de compartilhamento. Antes era possível, por exemplo, compartilhar suas fotos somente com Facebook, Twitter, email e outras opções mais tradicionais. Agora ele oferece uma gama parecida com a de Android e Windows Phone.

A Apple oferece junto ao iOS 8 o Health. Um aplicativo voltado a saúde que mede a qualidade do sono, pressão sanguínea entre outras informações do usuário.

Outra novidade é a forma de acionar o assistente por voz Siri. Ao invés de ter que tocar no aparelho, o assistente pode ser acionado através do comando “Hey Siri”, numa clara “semelhança” com o “Ok Google” do Google Now.

O iOS será disponibilizado nos mesmos moldes do Max OS X Yosemite. A diferença é que provavelmente ele será apresentado em um novo modelo de iPhone em meados de setembro. É esperar pra ver.

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *