By Salgado on 6th dezembro

Depois de ter seu “lançamento” impedido pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais, o Tubby, versão masculina do aplicativo Lulu, parece não passar de uma trollagem. Quem acessou o site do app no dia de hoje encontrou um vídeo legendado onde um coreano que supostamente seria financiador da ideia, explica o motivo do não lançamento do app. E é aí que existe a grande dúvida sobre a veracidade desta brincadeira.

A legenda oficial do vídeo, aquela que está incorporada às imagens, mostra a suposta tradução do que diz o investidor, onde ele pede calma e conta que seus advogados estão trabalhando para que o app seja lançado o quanto antes. Ele ainda debocha de supostas hashtags que serão usadas no app. Porém, ao ativar a legenda do YouTube, uma outra tradução aparece, onde ele critica a ideia de um aplicativo como o Lulu e o próprio Tubby dizendo que as pessoas deveriam se importar com outras coisas.

Caso o Tubby tenha sido desde o início pensado como uma forma de surpreender e criticar as pessoas que se interessam por julgar e classificar as pessoas, foi uma grande sacada, porém, alguns pontos levantados pelo pessoal do Tecnoblog colocam em cheque se esta era realmente a ideia inicial do app. O fato de o vídeo exibir a legenda incorporada como a “fake”, o uso de 8 (oito) servidores da Amazon para hospedar o site oficial, além da coleta dos dados de pessoas que não queriam aparecer no Tubby colocam em cheque quais eram as intenções dos desenvolvedores.

Independente do motivo, a “não existência” do Tubby prova que ainda há esperança em nossa sociedade.

Confira o vídeo a seguir:

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *