By Salgado on 26th julho

Um cientista da AEOI – Atomic Energy Organization of Iran (Organização de Energia Atômica do Irã) enviou um email para o chefe de pesquisas da empresa de segurança F-Secure dizendo que computadores de uma usina nuclear do país foram atacados por um vírus que os obrigava a tocar no volume máximo a música “Thundestruck” da banda AC/DC.

De acordo com Mikko Hypponen, pesquisador da F-Secure, frequentemente pesquisadores iranianos enviam emails para ele sobre vírus que atacam as usinas do país. Segundo ele, recentemente os iranianos relataram sobre ataques do Flame, o supervírus espião criado pelos Estados Unidos em parceria com Israel.

Um dos emails sobre o vírus que toca AC/DC foi publicado no blog da equipe do F-Secure. Confira a seguir alguns trechos dele:

“Estou escrevendo para informá-lo que o nosso programa nuclear foi mais uma vez comprometido e atacado por um novo vírus que encerraram nossa rede de automação em Natanz e Fordo, outra instalação perto de Qom […] A rede de automação e hardware Siemens foram atacados e desligados. […] Houve também algumas músicas tocando aleatoriamente em várias das estações de trabalho durante o meio da noite com o volume no máximo.”

There are no comments yet.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *